Sydney Whale Watching



Whale Watching... Experimente a emoção de observar baleias!
 
A cada ano, australianos e turistas se encantam com a possibilidade de avistar baleias jubartes que fazem seu espetáculo de peregrinação percorrendo cerca de 10 mil km. O cruzeiro parte do icônico porto de Sydney em direção ao local em que estão às graciosas baleias que percorrem a costa oeste em busca de águas tropicais.
As imensas baleias migratórias que passam pela Austrália provenientes da Antártida, fazem sua migração anual, do início de maio a novembro, para uma área de alimentação e reprodução ao longo da costa leste Australiana.


 
A baía de Sydney é uma das mais famosas do mundo, que na verdade é um “vale submerso” que se estende por 20 km para o interior, onde se encontra o Rio Parramatta. A profundidade da baía varia de 9 a 47m quando o nível de água está baixo, e suas margens irregulares cobrem mais de 241 km.
O passeio é feito com guia e observadores especialista, que já sabem onde procurar as estrelas da excursão. Durante o cruzeiro, experientes biólogos marinhos ou cientistas irão contar curiosidades e informações do comportamento das baleias, o que torna o momento ainda mais memorável.


 
Além disso, os experientes guias irão durante o trajeto instruir os passageiros como identificar as baleias, da mesma forma que os botes baleeiros faziam há 100 anos. É indescritível a reação das pessoas a bordo ao avistar pela primeira vez esses gigantes dóceis do mar.
Os barcos fazem manobras para que as pessoas possam observar melhoras baleias e os guias dão comentários detalhados.


E o mais interessante é que além de fazer um passeio imperdível, o cruzeiro é uma ótima oportunidade para ver Sydney de outro ponto de vista, podendo desfrutar da beleza do porto (um dos o maiores porto natural está no mundo) e contemplar a beleza da icônica Ópera de Sydney.
Em poucos minutos de recorrido o barco já está em mar aberto. O primeiro sinal de que as baleias estão em cerca geralmente é uma espécie de chafariz na água. A jubarte respira através do buraco em cima de sua cabeça. Quando ele expulsa a respiração, a explosão resultante de ar e vapor de água pode ser visto de longe, até dois quilômetros em um dia claro.


O passeio ao oceano Pacífico tem duração de duas a três horas e saídas diárias do Darling Harbour e Circular Quay. Empresas como a Captain Cook (www.captaincook.com.au) e Whale Watching Sydney (www.whalewatchingsydney.net) costumam garantir a devolução do dinheiro em caso do passageiro não ver nenhuma baleia durante o passeio. Outra empresa que oferece o serviço é a True Blue (www.sydneywhalewatching.com).
Duas empresas que oferecem os passeios garantem uma taxa de sucesso de 99%, caso você não veja baleia no dia, eles te dão um ticket para fazer o passeio outro dia.


 
A migração em números cada vez maiores, estima-se que 15 mil baleias passam pela costa leste da Austrália entre maio e novembro. Em maio, estas baleias viajam para o norte para se reproduzir e dar à luz e fazem sua viagem ao sul, de julho a novembro, com destino a Antártida, depois de passar vários meses nas águas mais quentes do norte.

 
Muitas vezes é possível ver outros tipos de baleias e vida marinha no recorrido, a Baleia Franca Austral, golfinhos, aves marinhas, incluindo uma gama de albatrozes, e se tiver sorte de pode ver até mesmo uma orca, ou que sabe a Baleia Azul, o maior animal vivo na planta que está ameaçado de extinção.
Se estiver em Sydney não perca a oportunidade de ver estas criaturas majestosas em seu ambiente natural.

................................................................................................................................................................
 
Alguns comportamentos típicos das baleias incluem: 
Breaching: Os saltos é uma maneira muito mais espetacular de anunciar sua presença é saltando. Com 2 ou 3 batidas de sua enorme cauda a baleia se lança através da superfície, às vezes limpando a agua completamente, e então cai de costas com um enorme respingo. O salto é usado para comunicar posição com outras baleias. O respingo pode ser ouvido a vários quilômetros.

 ................................................................................................................................................................
Calves: Os filhotes jubarte normalmente nadam próximos a sua mãe.

................................................................................................................................................................
Head Lunge: Quando uma baleia salta na superfície e cai para frente em vez de para trás a ação é chamada Head Lunge.

................................................................................................................................................................
Hop Spy: As jubarte são curiosas e muitas vezes colocam sua cabeça acima da linha d'água para olhar ao redor. O animal levanta a cabeça verticalmente até que os olhos ficam expostos e mantém esta posição durante um curto período de tempo e, em seguida, submerge na água. Este comportamento é comum e usado principalmente para orientar-se durante a migração.

................................................................................................................................................................
Pectoral Fin Extension: as jubarte são muitas vezes vistas agitando as enormes barbatanas acima da água. O animal encontra-se na superfície e levanta uma ou ambas das suas barbatanas peitorais para fora da água, dependendo da posição do corpo.
 
................................................................................................................................................................
Tail Extension: Algumas vezes as jubarte são vistas com a cauda estendidas acima da água por até 15 minutos seguidos. Este comportamento é raro, mas pode ter a ver com a alimentação. O filhote é muitas vezes visto nadando em torno da cauda de sua mãe neste momento.
 
................................................................................................................................................................
Tail Slapping: as baleias gostam de levantar suas enormes caudas acima da água e bater fazendo um respingo enorme. Isto pode ser ouvido a grandes distâncias por outros e provavelmente está associada com a posição de marcação. Por causa do poder formidável da cauda, ​​este comportamento deve ser interpretado como agressivo.

................................................................................................................................................................
Peduncle Slap: O pedúnculo é a parte muscular do corpo mais próximo da cauda. É utilizado em uma variação onde a cauda é golpeada num movimento para os lados como um enorme golpe de karatê. Este movimento é um sinal claro de que a baleia poderia se tornar agressiva.
Inclinando a cauda: inclinar a cauda é outro sinal de agressão que é usado quando a baleia está estressada. O agressor pode lançar sua cauda para o ar e depois derrubar o adversário em uma disputa por território. Os humanos devem ficar bem longe.
 
................................................................................................................................................................
Tail Cocking: Dois movimentos que envolvem abanar a cauda de um lado para o outro na água da superfície para criar turbulência. Ambas essas atividades também estão associados com a agressão. Tripulações de barcos de observação de baleias usam esses comportamentos como sinais para se afastarem.

................................................................................................................................................................
Tail Slash and Tail Swish: As nadadeiras peitorais são o equivalente das mãos humanas. Elas são frequentemente usadas ​​para acariciar o corpo de outro da mesma espécie, provavelmente durante o namoro e acasalamento. Mães e filhotes também se acariciam para demonstrar afeto.
 

................................................................................................................................................................
Pec Slapping: A Baleia jubarte tem as maiores nadadeiras peitorais de todas as baleias. As barbatanas sozinhas podem pesar várias toneladas. Quando levado pra baixo da água a partir da posição estendida, criam um chafariz forte que pode ser ouvido a partir de certa distância, tanto acima como abaixo da superfície, um comportamento comum entre as jubarte que pode ser usado como uma forma de comunicação.


................................................................................................................................................................
Álbum de Fotos
bwd  Página 1/11  fwd

 
Poderá também gostar de:
O que fazer em Sydney
Vai visitar Sydney ou tem vontade de conhecer? Saiba quais são as principais atrações da cidade.
Passeios na Grande Barreira de Corais
Conheça as principais formas de explorar a Grande Barreira de Corais
Mergulho na Barreira de Corais
O paraíso debaixo d'água.
O que fazer em Auckland
Vai visitar Auckland na Nova Zelândia ou tem vontade de conhecer? Saiba quais são as principais atrações da cidade.

Busca

Tradutor

Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Spanish