Campos do Jordão

Campos do Jordão

Campos do Jordão é uma cidade no interior do estado de São Paulo, localizada entre os estados de Rio de Janeiro e Minas Gerais, na Serra da Mantiqueira. Conhecida como a Suíça Brasileira, a cidade mais famosa e badalada entre todos os destinos de inverno no Brasil possui um clima europeu e arquitetura em estilo enxaimel, inspirada nos Alpes.
O município mais alto do estado de São Paulo está a 1.628 metros acima do nível do mar. O clima de montanha completa a lista de motivos para que cidade seja tão disputada quando as temperaturas caem e o frio aparece. No inverno a temperatura pode chegar a média a 5 graus negativos.
A alta temporada de Campos do Jordão acontece no inverno, entre os meses de junho a agosto e cerca de um milhão de turistas passam por lá.
A Vila Capivari é a mais badalada da cidade, com uma variedade gastronômica, lojas de grife, cafés e concorridos bares ao ar livre.
Campos do Jordão abriga pousadas e hotéis aconchegantes, para todos os gosto e bolsos, bares e restaurantes requintados e uma intensa programação cultural.
A cidade conta com Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, o evento anual dedicado à música erudita.
A região é perfeita para os amantes da natureza e praticantes de esportes radicais. É possível fazer trilhas, pescaria, arvorismo, rapel entre outras atividades.
O Complexo da Pedra do Baú e do Pico de Itapeva fazem parte do circuito tradicional de ecoturismo da região. No verão, as temperaturas amenas são ideais para atividades ao ar livre.
O Parque Amantikir possui jardins temáticos de diferentes lugares do mundo inspirados em países como Japão, Canadá e Inglaterra com experiências sensoriais.
Uma das mais charmosas e tradicionais atrações turísticas de Campos do Jordão é o passeio de trem. São quatro passeios diferentes: o Turístico (trecho de 8 km), Maria Fumaça (4 km), Santo Antônio do Pinhal (19 km) e Pindamonhangaba (47 km).
Para os admiradores das artes é possível apreciar obras de artistas como Tarsila do Amaral, Cândido Portinari e Di Cavalcante, no Palácio Boa Vista, sede de inverno do governo do estado com entrada gratuita. O prédio conta com um acervo de 3.500 obras de arte.
Dizem que ir a Campos do Jordão e não andar de teleférico é como ir a Roma e não ver o Papa. O teleférico do Morro do Elefante proporciona uma linda vista do alto dos 1.800 metros do Morro do Elefante, de onde se tem uma visão panorâmica e privilegiada de Campos do Jordão.
Apesar de fazer mais sucesso durante o inverno, Campos do Jordão pode ser visitada durante o ano todo.
Quem procura hospedagens mais em conta ou têm interesse em dar uma escapadinha do agito de Campos do Jordão pode aproveitar para visitar as cidades vizinhas como Santo Antônio do Pinhal e São Bento do Sapucaí.
O Clima europeu, atrativos naturais e a badalação fazem de Campos do Jordão um dos principais destinos de inverno do Brasil.
 
Vila Capivari
A Vila Capivari é pequeno conjunto de ruas, cercado de chalés alpinos com pousadas, restaurantes, cafés e lojas. Na temporada e alguns finais de semana são realizados shows e apresentações culturais na Praça São Benedito. Movimentado dia e noite, o bairro é o ponto de encontro de todos os que visitam Campos do Jordão.
 
Praça do Capivari
A Praça Benedito Calixto, entre as ruas Djalma Forjas, Diogo de Carvalho e a Avenida Macedo Soares, é o coração do Capivari. Destaques para a concha acústica, onde são realizadas apresentações musicais durante o ano todo, e principalmente durante o Festival de Inverno.
 
Portal de Campos do Jordão
O portal turístico de Campos do Jordão é inspirado na arquitetura dos Alpes suíços. Cartão de visitas da cidade abriga o centro de atendimento aos turistas funciona no local.
 
Palácio Boa Vista
Residência oficial de inverno do governador de São Paulo, o Palácio Boa Vista foi erguido entre 1938 e 1964, decorado no estilo inglês, possui 105 cômodos. A arquitetura do prédio, inspirado nos castelos europeus reúne um acervo com mais de 3.500 obras, destaque para as telas de Tarsila do Amaral e Di Cavalcanti, esculturas de Bruno Giorgi e Victor Brecheret, peças do barroco brasileiro, além de móveis dos séculos 17 e 18.
Aberto à visitação através de visitas guiadas que duram de 40 minutos
Entrada Gratuita
De quarta-feira a domingo, das 10h às 12h e das 14h às 17h.
Site: http://www.acervo.sp.gov.br/palacios/palacio_boavista.html
 
Casa da Xilogravura
No casarão de 1928, a Casa da Xilogravura reúne mais de 300 gravuras no mundo todo. A xilogravura é a impressão em papel ou outra textura a partir de um molde de madeira. O único museu brasileiro dedicado a essa arte abriga mais de duas mil obras de cerca de 300 xilógrafos De quinta a segunda-feira, das 9h às 12h e das 14h às 17h.
www.casadaxilogravura.com.br
 
Horto Florestal
O Horto Florestal ou Parque Estadual de Campos do Jordão ocupa 40% da área da cidade.
Criado em 1941, possui 8,3 mil hectares de área preservada e oferece ao visitante uma vasta área de lazer, com bosques, churrasqueiras, atelier ambiental, capela, centro de exposições, viveiro de plantas, além de trilhas para caminhadas, lagos e cachoeiras.
O maior parque estadual do país abriga a maior reserva de araucárias do Estado de São Paulo.
Famoso por suas trilhas, a maior delas pode terminar com um banho de cachoeira. A Trilha das Cinco Pontes possui percurso aproximado de 1.000 metros e suas pontes pênseis fazem da caminhada uma aventura.
Aberto diariamente das 9:00 às 16:00 horas.
www.ambiente.sp.gov.br/parque-campos-do-jordao/
 
Borboletário Flores Que Voam
Em meio à mata, no caminho do Horto Florestal, uma estufa abriga 35 espécies de borboletas nativas da região. A visita começa com um vídeo explicativo e termina em um criadouro de lagartas.
Dica: Ideal fazer a visita em um dia ensolarado, porque as borboletas voam apenas com a energia do sol.
De quarta a domingo das 10:00 h às 15:00 h.
www.floresquevoam.com.br
 
Centro de Lazer Tarundu
O Centro de Lazer Tarundú oferece ao visitante uma área de 500.000 m² de lazer, com mais de 15 atrações, entre esportes de aventura, trilhas pela mata nativa, minigolfe, tirolesa de 430 metros, circuito de arvorismo, arco e flecha, paintball e Orbit Ball(bola inflável que desce com velocidade levando um aventureiro em seu interior), além dos cavalos e pôneis para passeios. Em julho também há uma pista de patinação no gelo.
Diariamente, das 9h às 17h.
www.tarundu.com.br
 
Pedra do Baú
O Complexo do Baú compõe um dos principais cartões postais de Campos do Jordão.
Localizada na Cidade de São Bento do Sapucaí, o melhor acesso se dá desde Campos.
O complexo é formado por três rochas: a Pedra do Baú, a maior e mais alta com 1.950 metros de altitude; O Bauzinho com 1.760 metros; e a Ana Chata com 1.670 metros de altitude.
Apesar da dificuldade de acesso para chegar ao topo, muitos aventureiros enfrentam a trilha íngreme de uma hora e meia, e sobem 300 degraus (grampos de ferro presos na pedra) para ver o pôr do sol. No ponto mais alto da Pedra é possível apreciar uma linda vista. De um lado a serra de Campos do Jordão, e de outro as montanhas de Minas Gerais.  Já a trilha para o Bauzinho é acessível a qualquer pessoa, em aproximadamente 10 minutos de caminhada é possível contemplar a bela paisagem ao redor.
O complexo no alto da Serra da Mantiqueira é muito procurado para a pratica de trekking, voo livre, alpinismo, escalada e rapel.
www.pedradobau.com.br
 
Pedra do Bauzinho
Para ter uma linda visão da Pedra do Baú não é necessária nenhuma maratona, pelo contrário, ao seu lado encontra-se a Pedra do Bauzinho com 1.760 metros. Para alcançar o topo basta seguir por uma trilha, em uma rápida caminhada de 10 minutos. O local é ponto de partida para voos de parapente.
 
Aventura no Rancho (Rancho Santo Antônio)
O Rancho Santo Antônio é mais uma área de lazer que permite aproveitar as belezas naturais de Campos do Jordão praticando esporte de aventura, como os circuitos de arvorismo que contam com sete estações de vários níveis de dificuldade, tirolesa de 800 metros, water trekking (caminhada pelo leito do rio) e as trilhas noturnas, que devem ser agendadas com antecedência. Além de passeio a cavalo, trilhas de bicicletas e paintball.
Diariamente, das 9h às 17h.
www.aventuranorancho.com.br
 
Bosque do Silêncio
Localizada a apenas 20 minutos de caminhada do centro de Capivari, o Bosque do Silêncio possui o maior circuito de arvorismo da cidade, com 28 travessias em 2 km de passarelas. Outras atividades como paintball, minigolfe e aluguel de bicicletas são oferecidas no local.
Todos os dias, das 9h às 16h30.
http://altus.tur.br/atividades/bosque
 
Amantikir
Inaugurado em 2007, o Parque Amantikir reúne 680 espécies de plantas, divididos em 22 espaços, onde cada um mostra um jardim típico de diferentes partes do mundo. O local exibe belíssimos jardins que são comuns nos Estados Unidos e Europa, com uma rica programação cultural. Amantikir é o termo indígena que originou a palavra Mantiqueira e significa Serra que Chora.
Os jardins temáticos foram inspirados em 12 países como Japão, Canadá, Inglaterra, Austrália e Alemanha, além do lindo mirante do Vale do Lajeado e o labirinto em estilo inglês.
Diariamente das 8 às 17 horas.
www.amantikir.com.br
 
Estrada de Ferro
Uma das mais charmosas e tradicionais atrações turísticas de Campos do Jordão é o passeio de trem. A Estrada de Ferro Campos do Jordão começou a ser construída em 1910 com o apoio do sanitarista Emílio Ribas e nasceu da necessidade de levar pessoas que sofriam de doenças respiratórias à cura, no clima propício das montanhas de Campos. Hoje, a Estrada é uma alternativa turística para conhecer as belezas da Serra da Mantiqueira e conta com quatro passeios diferentes: o Turístico (trecho de 8 km), Maria Fumaça (4 km), Santo Antônio do Pinhal (19 km) e Pindamonhangaba (47 km).
O passeio de trem passa pelo Vale do Lageado (ponto ferroviário mais alto do Brasil), que possui uma vista deslumbrante.
www.selt.sp.gov.br/estrada_ferro.php
 
Passeio de Trem até Santo Antônio Do Pinhal
O passeio de trem até Santo Antônio do Pinhal percorre 19 km de estrada de ferro com duas paradas; uma no Vale do Lajeado, o trecho de ferrovia mais alto do Brasil, a 1.743 metros de altitude, de onde se pode avistar o Complexo Pedra do Baú e o Palácio Boa Vista; e a outra parada na Estação Eugênio Lefévre, em Santo Antônio do Pinhal, onde é possível conhecer o Orquidário, a feirinha com produtos artesanais, provar o famoso bolinho de bacalhau na estação, além de ir ao Mirante Nossa Senhora Auxiliadora .
O percurso de ida e volta dura 2h30. O ponto de partida é a estação Emílio Ribas, na Vila Capivari. Convém fazer reserva.
 
Trem de Campos de Jordão - Pindamonhangaba
A estrada de Ferro liga Campos do Jordão à cidade de Pindamonhangaba, na região do Vale do Paraíba. O percurso de 47 km proporciona uma visão panorâmica do ponto ferroviário mais alto do País a 1.743m. Com paradas em diversos pontos como a Expedicionária Estação das Flores, Mirante Nossa Senhora Auxiliadora, o Parque Reino das Águas Claras com uma ampla área verde decorada com personagens do escritor Monteiro Lobato, além de outras paradas rápidas para fotos.  Já em Pindamonhangaba é possível presenciar a “virada” do trem, com mecanismo quase totalmente manual.
Saídas as 7h50 e 9h00 (de acordo com a procura), retorno 16h00 e 16h30, chegada em Pindamonhangaba 19h00. Reservas no telefone (12) 3644-7408.
www.efcj.com.br
 
Bondinho /Trem Turístico Urbano
O Trem Urbano mais conhecido como bondinho é o cartão postal de Campos do Jordão. Os bondinhos vermelhos fabricados em Nuremberg na Alemanha faz um percurso de 8 km ida e volta dura 50 minutos. Tem início na estação Emilio Ribas, na Vila Capivari e termina na Estação Abernéssia no bairro de São Cristóvão. A composição inclui uma automotriz fechada e a “jardineira” com laterais abertas
Saídas de segunda a sexta-feira às 10h, 14h e 16h; sábado, domingo e durante o mês de julho às 10h, 11h, 12h, 14h, 15h e 16h.
www.efcj.com.br
 
Maria Fumaça
Oferecido aos fins de semana, o passeio de Maria Fumaça é uma das atrações mais concorridas de Campos do Jordão, por isso é indicado garantir seu ingresso com antecedência na estação Emílio Ribas. O percurso é um pouco menor que o do bondinho e vai apenas até Abernéssia.
www.selt.sp.gov.br/estrada_ferro.php
 
Auditório Cláudio Santoro
Inaugurado em 12 de Julho de 1979 em uma área de 5.740 m², o auditório tem capacidade para 814 pessoas na plateia e 48 nos camarotes. É a sede oficial do Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, mas possui uma rica programação cultural o ano todo, recebendo inúmeros espetáculos de teatro, música e dança e seminários. Destaque pela acústica fantástica e pelo belo visual, permitindo a vista para as montanhas durante espetáculos diurnos. Seu jardim abriga o Museu Felícia Leirner, com esculturas da artista ao ar livre.
De terça-feira a domingo, das 9h às 18h
www.saopaulo.sp.gov.br/conhecasp/cultura_teatro-claudio-santoro
 
Museu de Esculturas Felícia Leirner
O museu a céu aberto reúne obras da escultora nascida em Varsóvia na Polônia e naturalizada brasileira. São 84 obras, sendo 44 em bronze e 40 em cimento branco espalhadas em uma área verde com 35 mil m², considerado um dos maiores museus ao ar livre do mundo.
Felícia Leirner foi discípula de Victor Brecheret, o ajudou na obra símbolo de São Paulo: Monumento às Bandeiras, localizado no Parque do Ibirapuera.
Do alto, há uma linda vista para a Pedra do Baú, além de muitas araucárias.
De terça a domingo, das 9h às 18h.
www.museufelicialeirner.org.br
 
Cervejaria Baden Baden
A Baden Baden é um dos principais símbolos de Campos do Jordão, além do bar mais famoso do Capivari, oferece uma visita guiada em sua fábrica que produz 120 mil litros de bebida por mês. Durante o passeio é possível acompanhar processo de fabricação da cerveja artesanal mais apreciada do Brasil, aprender mais sobre a composição das cervejas. O tour inclui dicas de degustação e harmonização, além de experimentação de alguns produtos.
Aberto diariamente das 10:00 às 17:00 horas. Visitas deverão ser agendadas com antecedência pelo telefone. 
www.badenbaden.com.br
 
Floresta Encantada
Parque Floresta Encantada ou Parque Sonho das Fantasias, possui 12 mil metros quadrados e briga diversas Casas de Brinquedo, com temas de histórias infantis, como a Casa dos Gnomos, Casa das Bruxas, Casa do Fantasma, Casa dos Coelhos, Casa da Branca de Neve, Casa do Papai Noel, Casa dos Dálmatas, Casa das Bonecas,  entre outros, todas decoradas com peças típicas das histórias mais conhecidas dos livros e da televisão.
Das 9:30 às 17:00 horas
 
Teleférico
Campos do Jordão possui o sistema de teleférico mais antigo do Brasil, inaugurado em 1970. O percurso 550 metros dura 10 minutos e proporciona uma linda vista do Morro do Elefante na subida e da cidade de Campos do Jordão na descida.
Sextas, das 13h às 16h.  Sábados e domingos, das 9h30 às 17h30.
 
Morro do Elefante
Com um contorno que lembra a tromba de um elefante, o morro está a 1.800 metros de altitude e possui uma das mais belas vistas panorâmicas de Campos do Jordão.
O acesso ao morro pode ser feito por teleférico, a pé ou por estrada asfaltada.
 
Pico do Itapeva
O Pico do Itapeva não fica em Campos do Jordão, mas na cidade de Pindamonhangaba. O local está a 15 km de Capivari, com acesso fácil por meio de uma estrada asfaltada. O Pico do Itapeva é o quinto mais alto do Brasil e o mais alto de Campos do Jordão, com 2.030 metros de altitude. Possui uma das vistas mais privilegiadas da Serra da Mantiqueira, pois em dias sem nuvens, é possível avistar 15 cidades do Vale do Paraíba: Aparecida, Caçapava, Cachoeira Paulista, Cruzeiro, Eugênio de Melo, Guará, Lorena, Moreira César, Pindamonhangaba, Piquete, Potim, Roseira, São José dos Campos, Taubaté e Tremembé.
outra atração do local são as lojinhas de artesanatos, doces e roupas de lã. Paradas no lago e no mirante para o hotel Home Green Home rendem boas fotos.
 
Festival Internacional de Inverno
O Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão é o maior da América Latina dedicado à música erudita. O Festival começou a ser realizado no Palácio da Boa Vista em 1970, mas atualmente os concertos estão espalhados pela cidade. As apresentações do Auditório Cláudio Santoro são pagas, mas há shows gratuitos na Praça Central da Vila Capivari, no Palácio Boa Vista, além de igrejas e espaços culturais. 
O Festival de Inverno atrai milhares de turistas nacionais e internacionais, com cerca de 40 atrações. Para os que não apreciam música erudita, também há apresentações de música pop, rock e eletrônica.
www.festivalcamposdojordao.org.br
 
Mosteiro das Monjas Beneditinas / Mosteiro Beneditino de São João
Localizado no meio de um bosque cercado por árvores, arbustos e flores, o mosteiro de São João das Irmãs Beneditinas tem uma bela capela, onde acontecem todos os dias um recital de canto gregoriano, uma gruta dedicada à Imaculada Conceição, além de uma lojinha de artigos artesanais, belos jardins e um lindo lago cheio de peixes.
Todos os dias, às 17h45, é possível ouvir os cantos gregorianos em latim, grego e português.
Diariamente, das 6h30 ás 18h30.
www.mosteirosaojoao.org.br
 
Fábrica de Chocolates Araucária
Os chocólatras de plantão podem conferir o processo de fabricação das delícias produzidas por esta fábrica tradicional localizada na cidade. Através de uma parede de vidro, é possível ver como são feitos estes tradicionais chocolates de Campos do Jordão. A fábrica abriga também um espaço cultural e um museu que conta a história do chocolate.
Diariamente das 10:00 às 18:00.
 
Ducha de Prata
A Ducha de Prata em Campos do Jordão é formada por várias quedas d’água artificiais que podem ser observadas de vários ângulos por meio de passarelas de madeira. Ideal para tirar fotos em meio às pedras e trilhas. Possui várias barraquinhas com produtos artesanais e souvenirs.
Entrada franca
 
Gruta dos Crioulos
A Gruta dos Crioulos é uma enorme pedra a 8 km da Vila Capivari, que segundo a lenda abrigava escravos que fugiam das fazendas da Serra da Mantiqueira. A pedra tem aproximadamente 30 m de altura e 20 m de profundidade e pode abrigar várias pessoas em seu interior.
 
Pico do Imbiri
De fácil acesso o Pico de Imbiri, no alto dos seus 1862 metros de altitude proporciona em seu cume uma bela imagem das montanhas que formam a Serra da Mantiqueira. É possível identificar várias regiões da cidade, ter uma linda vista da Pedra do Baú e contemplar as montanhas que fazem divisa com o Sul de Minas Gerais. No final da tarde ouvem-se as cigarras com seu zumbido característico, anunciando o pôr-do-sol com a Pedra do Baú ao fundo.
 
O Pico do Imbiri é recomendado para praticar ecoturismo, passeios de bicicleta, cavalo, moto e quadriciclo.
 
Vista Chinesa (Belvedere)
Ponto de passagem obrigatório em Campos do Jordão, a Vista Chinesa ou Belvedere é o primeiro ponto turístico avistado antes de chegar à cidade, pouco antes do portal, o local oferece uma linda vista do Vale do Lajeado. Durante o inverno costuma ser frequentado por quatis. Vale a pena ver o pôr do sol no local.
 
Parque dos Lagos
Em uma área de mais de 2.500 m², o visitante poderá desfrutar de atividades como tirolesa, passeios a cavalo, cama elástica, arvorismo, barcos a remo, caminhadas e pesca. O parque conta ainda com um restaurante especializado em truta e salmão. O local possui vário lagos com águas límpidas que tornam o local uma belíssima atração da natureza.
De quarta-feira a domingo, das 9h às 18h (em julho, diariamente, das 9h às 18h).
www.parquedoslagos.com.br
 
Igreja São Benedito
Além de preservar arquitetura original, a Igreja São Benedito abriga uma bela decoração sacra.
Diariamente, das 8h às 20h.
 
Matriz Santa Terezinha
O antigo convento dos Franciscanos é a igreja mais famosa da cidade e o local de realização das principais festas religiosas de Campos do Jordão.
 
Compras
Muitos visitantes que vão a Campos do Jordão não resistem as suas malhas e doces. A Vila Capivari concentrar o maior número de lojas da cidade. Entre suas ruas, se espalham tradicionais malharias e lojas de chocolates. Durante a alta temporada, Campos ganha um shopping sazonal, o Campos do Jordão Market Plaza.
 
Ecoturismo
A Serra da Mantiqueira tem paisagens exuberantes, clima muito agradável e uma série de possibilidades para atividades ao ar livre. E em Campos do Jordão opções de  turismo ecológico não faltam, são mais de 100 trilhas espalhadas pelas montanhas.
Os picos altos convidam para o rapel e as águas para um mergulho de banho frio nas cachoeiras. A cidade é ideal para fazer caminhadas, pedalar entre campos e matas, escalar rochas, descer cachoeiras e fazer travessias entre copas de árvores. Além disso, cavalgadas podem ser realizadas em diversos pontos da cidade.
 
Off Road - Passeio de jipe pelas trilhas da Mantiqueira
Através de um veículo 4X4, pilotado por um profissional experiente, é possível desbravar a mata e conhecer de perto montanhas, vales, florestas e lindas cachoeiras. São sete roteiros, o mais procurado é o que leva à Pedra do Baú. O Pico do Imbiri e o Morro do Camelo, roteiros mais curtos, e Delfim Moreira (MG), o mais longo, também são muito procurados.
Ao longo dos percursos, que podem ser feitos em duas horas ou durante um dia inteiro, a aventura inclui atravessar pequenos riachos, erosões e desvios em atoleiros. Os percursos passam por trilhas e estradas radicais, com a oportunidade de ver Campos do Jordão de uma forma especial e com paisagens de tirar o fôlego.
www.offroadtour.com.br
 
 
Ecoparque Pesca na Montanha
No alto da Serra da Mantiqueira, localizado entre as cidades de Campos do Jordão e São Bento do Sapucaí está uma das áreas de lazer mais visitada da região, o Ecoparque Pesca na Montanha que possui uma vasta área com rios, lagos, além da pesca da truta.
De sexta a domingo a partir das 9 horas.
www.pescanamontanha.com.br
 
Fazenda Lenz Gourmet
Um dos mais belos cenários da Serra da Mantiqueira, Fazenda Lenz Gourmetb possui um mirante panorâmico de onde é possível ver todo o Vale do Lajeado. Trilhas levam a uma linda cachoeira. Outros atrativos são as compotas, geleias, chocolates e o famoso bolo inglês, produzidos no local.
 
Arredores:
 
Santo Antônio do Pinhal
Pequena e sossegada, Santo Antônio do Pinhal fica a menos de 180 km de São Paulo. Emoldurada pela Serra da Mantiqueira, pontilhada por picos e cachoeiras, o cenário é um convite a explorar a natureza.
É difícil acreditar que Santo Antônio do Pinhal está a apenas meia hora da badalada Campos do Jordão. A estância climática é muito procurada pelo agradável clima de montanha, para a pratica de turismo de aventura, pela boa infraestrutura e por ter confortáveis pousadas a preços bastante acessíveis.
 
São Bento do Sapucaí
A bucólica São Bento do Sapucaí é vizinha de Campos do Jordão e não lembra em nada a cidade de inverno mais famosa de São Paulo. Possui casinhas simples, ruas de terra e encantos de sobra. Apesar da paisagem rústica, pousadas charmosas e confortáveis escondem-se em meio à vegetação nativa da Serra da Mantiqueira.
São Bento do Sapucaí detém cenários incríveis para os adeptos dos esportes radicais, o cartão-postal de 1.950 metros de altitude como cenário, oferece atividades que vão de caminhadas a voo livre, incluindo pedaladas e escaladas.
Para quem busca tranquilidade, a região dispõe de lindos bosques, nascentes e cachoeiras. Já a gastronomia, fica por conta das delícias típicas da região: truta e pinhão.
 
Poderá também gostar de:
San Martín de los Andes
 Conheça San Martin de los Andes, a cidade rodeada por uma espécie de anfiteatro natural de montanhas, entre  bosques e lagos,
Victoria
conhecida como “a Cidade dos Jardins”, Victoria é a capital da Colúmbia Britânica e está localizada na ponta
O que fazer em Maceió
Vai visitar Maceió ou tem vontade de conhecer? Saiba quais são as principais atrações da cidade.
Parque Nacional Tierra del Fuego
A 11 km de Ushuaia, o Parque Nacional Tierra del Fuego é o mais austral do continente, ideal para desfrutar de paisagens inesquecíveis

Busca

Tradutor

Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Spanish